SEO nas redes sociais: como funciona?

Você sabe o que é SEO? Esse termo já é um dos mais buscados no Google quando o assunto é marketing digital, e isso é curiosamente interessante, você já vai entender.

Muitas empresas sonham em aparecer na primeira página do Google quando seu público alvo, supostos futuros clientes, fazem pesquisas que tem relação com seu produto ou serviço. 

Mas nesse grande mar de informações que surgem por segundo, o que pode ajudar essa ambição se tornar realidade?

A resposta é: SEO. Se você já ouviu falar muito desse termo mas ainda acha difícil de entender, ou que isso é coisa só para profissionais do marketing, isso acaba hoje.

Nesse artigo vou compartilhar com você: 

  • O que é SEO;
  • Como fazer SEO;
  • A importância do SEO para as redes sociais;
  • Como otimizar suas redes sociais.

O que é SEO? 

A sigla SEO significa Search Engine Optimization, que em sua tradução quer dizer “otimização para mecanismos de busca”. 

Entenda-se “mecanismos de busca” como os sites que funcionam como buscadores de informação, ou seja, que utilizamos para fazer pesquisas: Google, Yahoo, Bing, entre outros do gênero. Otimização quer dizer tornar mais favorável, aumentar as possibilidades, valor. 

Isso quer dizer que é SEO é um conjunto de técnicas que ajudam um conteúdo a ser encontrado com mais facilidade nos buscadores de informações. 

Como fazer SEO? 

Primeiro, precisamos entender como o Google funciona. Basicamente, ele lê todo o conteúdo que existe na internet que estão indexados (reconhecidos), fazendo uma varredura completa para entender do que se trata cada site e página publicada. Depois disso, ele elenca os conteúdos do mais relevante para o menos relevante. 

A pergunta que fica é: como se tornar relevante para os buscadores? 

Existem diversas práticas que podem ser adotadas, mas as principais delas são: 

  1.  Configurar o SEO na parte interna do seu site: todo site é feito por códigos que não conseguimos ver, mas são nesses códigos que, antes de tudo, o Google entende do que se trata seu site e o conteúdo que há nele. Por isso, ao contratar uma plataforma de criação de sites ou um profissional web, você precisa se informar sobre o SEO do site;
  2. Defina as palavras chave que representam o seu negócio: ela além de representar bem o seu negócio, precisa ser condizente com o que o seu público alvo vai digitar no Google para possivelmente te encontrar. A palavra-chave precisa estar na descrição do seu site, nas principais páginas, títulos e na maior parte do conteúdo compartilhado.
  3. Qualidade do conteúdo: os robôs do Google não rastreiam apenas palavras soltas, eles já possuem inteligência artificial que conseguem distinguir um conteúdo de qualidade e outro que não tenha tanto potencial. Ele reconhece cópias, e se a palavra-chave se repetir de forma desequilibrada ele pode entendê-lo como um robô, e o faz perder relevância.

A importância do SEO para as redes sociais 

Os perfis nas redes sociais também são ranqueados nos buscadores. Isso quer dizer que o seu conteúdo no Facebook e Instagram também pode ser encontrado quando seu cliente faz buscas.

Além disso, seguir os pontos do tópico anterior também em seus perfis ajuda os usuários a encontrarem você quando fizer busca dentro da própria rede. 

Como otimizar suas redes sociais

Dica 1: A começar pelo @user, que deve ser igual em todas as redes, e o mais semelhante possível com outros canais de comunicação que você tenha, como site e portfólio.

Dica 2: No Instagram, o seu @user pode ser o nome da sua empresa ou seu nome pessoal (caso você seja um profissional independente e se identifique dessa forma), mas o título pode se diferenciar citando a palavra-chave do seu negócio.

Dica 3: No Facebook existem dois campos importantes, o Sobre e o Minha História. Utilize o Sobre para resumir seu negócio utilizando sua palavra-chave, de preferência o seu Pitch de Vendas (você pode aprender a criar o seu clicando aqui). 

Dica 4: No Instagram, utilize a localização nos seus posts para ranquear também geograficamente. No Facebook, adicione o endereço do seu negócio físico (ou a cidade onde você atende). 

Dica 5: Compartilhe conteúdo sobre sua área de atuação com frequência. A quantidade de conteúdo e data de atualização é essencial para o ranqueamento do perfil. 

DICA EXTRA: Receba mais dicas sobre marketing e vendas, gratuitamente, direto no seu Telegram. Clique aqui para fazer parte do meu grupo exclusivo. Entrando no Grupo, me dê o seu feedback e me conte o que achou desse artigo. Estou te esperando lá ok?

 

até a próxima

Silvia

GOSTOU?
Que tal compartilhar?
Share on FacebookPin on PinterestGoogle+
Leia também esses posts

Comentários

comentários